Hyldon

As Coisas Simples da Vida

Virada Cultural Paulista – Araraquara

 

Mesclando artistas e dando oportunidade ao interior de conhecer trabalhos diferentes, a Virada Cultural Paulista chega com uma programação diversificada a Araraquara. O secretário municipal da Cultura, Renato Haddad, destacou a variedade da programação da Virada Cultural Paulista na cidade. “As atrações escolhidas para se apresentarem em nossa cidade, são todas de alto nível”, afirmou Haddad.
 
Entre os destaques, o secretário citou prontamente “Os Opalas”, grupo com som contagiante que mistura samba, soul, groove, reggae, rap, afrobeat e rock. “O grupo tem uma força incrível nas suas performances ao vivo. O público de Araraquara vai dançar e curtir muito este show, que acontece no sábado, às 23 horas, no Palco Externo, da Praça Scalamandré Sobrinho”.
 
Também para contagiar o público, a cidade recebe o DJ Ad Ferrera, artista badalado na capital São Paulo. Os fãs da música eletrônica poderão se divertir com o set programado por este DJ que também é sucesso como designer de moda e é citado por influentes meios de comunicação do Brasil, como as revistas DJ Mag, VIP, MixMag, RG, Veja, Veja São Paulo; os jornais Folha de S. Paulo, O Estado de S. Paulo; os sites RG, Glamurama, Lilian Pacce, UOL, FFW, Chic e Vírgula. E ainda pela publicação britânica Dazed & Confused. “Ele tem um currículo 100% inquestionável para a moçada que curte a música eletrônica. É um grande destaque! Vai ser surpreendente”, disse o secretário.
 
Hyldon
 
Haddad confessou que, como possui um perfil “mais calmo e tranquilo”, está ansioso para a apresentação de Azimuth e Hyldon, parceiros desde os anos 70, que construíram um capítulo marcante na história da música brasileira. “A combinação entre a guitarra suingada de Hyldon e o jazz fusion do Azymuth representam um estilo único, marcado pela sofisticação. No palco, uma união de músicos com muitos anos de carreira e na mais plena sintonia. Acredito que será impecável e incrível”.
“Analisando as programações de todas as cidades, vimos que Secretaria Estadual busca um equilíbrio na distribuição dos artistas”, disse o secretário. A escolha das populares Gaby Amarantos e Banda Uó surpreendeu o público da cidade, porém a “musa do tecnobrega” deve envolver o público araraquarense com sua voz potente e músicas também do cancioneiro popular do Pará.
 
Elogiada pelos artistas da MPB – como, por exemplo, Caetano Veloso – Gaby Amarantos, ou “a Beyoncé do Pará”, é uma grande revelação do país e não deve ser apontada apenas pela música-chiclete “Ex Mai Love”. Apesar de alguns torcerem o nariz para Gaby, vale destacar que a artista traz um show divertido, cheio de figurinos inusitados e simpatia, além de uma voz afinada e músicos competentes. “É um astral diferente do que o público se acostumou, mas é importante a diversidade e, assim, poderemos mergulhar um pouco na cultura do Pará”, defendeu o secretário.
 
“Mas o público pode ficar tranqüilo, pois teremos atrações para todos! Ainda só temos parte da programação e muita coisa boa ainda vem por aí!”. Haddad lembrou que, em breve, a Secretaria do Estado da Cultura deve divulgar as atrações de stand up comedy, dos eventos do Palco Interno, das atividades infantis e dos artistas locais, e também do Sesc. “Vai ser impossível ficar em casa durante a Virada e todo mundo vai se identificar e curtir a programação”.
 
Fonte: Miss Araraquara

   

Voltar