Hyldon

As Coisas Simples da Vida

Hyldon grava álbum autoral com parcerias inéditas com Zeca Baleiro, Arnaldo Antunes, Mano Brown e Rappin’ Hood (por Mauro Ferreira)

 

Por Mauro Ferreira, G1, 

Um dos pioneiros do soul brasileiro, o cantor e compositor Hyldon entrou em estúdio neste mês de janeiro de 2019. O artista grava álbum inteiramente autoral com músicas inéditas.

A única regravação é Vida que segue, balada cedida por Hyldon para ser lançada no mais recente álbum da cantora Gal Costa, A pele do futuro (2018).

O repertório prevê parcerias do soulman baiano com Arnaldo Antunes, João Viana (baterista do disco, coautor de Ninguém merece viver só) e Zeca Baleiro, além de composições de Hyldon com manos do rap como Mano Brown, Rappin’ Hood e Thaíde.

Neste disco, para facilitar a identificação no mundo da música e na arrecadação de direitos autorais, o cantor volta a assinar com o nome artístico de Hyldon Souza, adotado na década de 1960, bem no início da carreira.

Projetado a partir da década de 1970, sobretudo a partir de 1975, ano do primeiro álbum solo, Na rua, na chuva, na fazenda…, Hyldon de certa forma completa 50 anos de carreira em 2019.

Afinal, foi como integrante do grupo carioca Os Diagonais – pioneiro na busca de uma linguagem brasileira para o soul e o funk norte-americanos – que ele começou a ser de fato notado a partir de 1969.

hyldon-álbum-novo

   

Voltar