Hyldon

As Coisas Simples da Vida

Prêmio Multishow acerta nos encontros musicais

 

 

Com gostinho de programa de auditório, Prêmio Multishow acerta nos encontros musicais

Como todo bom programa de auditório, o Prêmio Multishow 2011 foi marcado por uma mistura de gêneros e épocas nos números musicais. Para começar em grande estilo, Ivete recebeu no palco Thiaguinho do Exalta, Jair Rodrigues e Jau para uma mistura de sucessos de Wilson Simonal (“Mamãe Passou Açúcar Em Mim” e “Nem Vem Que Não Tem”) e Tim Maia (“Chocolate”). Como se dizia em outras épocas, foi do “balacobaco”.

Considerado um amuleto de ouro para muita gente, Hyldon reviu seus sucessos com dois de seus “alunos”, Jota Quest e a Revelação desse ano, Monique Kessous. Juntos eles mandaram “As Dores Do Mundo”, música do Hyldon e que também virou sucesso como primeira gravação do Jota, e “Na Rua, Na Chuva, Na Fazenda”, que virou hit na versão do Kid Abelha.

O ícone “brega” Odair José mostrou um pouco por que foi mania nos anos 70 e continua sendo agora. No palco, Odair foi homenageado pela Pitty e Cidadão Instigado cantando “Vou Tirar Você Desse Lugar” e “Pare De Tomar A Pílula”. Para fechar, foi Odair quem homenageou Pitty, escolhendo o sucesso “Me Adora” para encerrar o terceiro número musical da noite.

Ao lado de três marmanjos, Paula Fernandes pediu “Papai Me Empresta O Carro” e aprendeu “A Fórmula Do Amor”. A Melhor Cantora e Artista Sertaneja de 2011 mandou muito rock junto com o Nx Zero, Fiuk e Léo Jaime.

Encerrando a grandes festa da música brasileira, dois dos maiores se uniram numa apresentação histórica. Zeca Pagodinho e Jorge Benjor levantaram o público com um pot-pourri de “Ogum” e “Tajmahal” e fecharam como chave de ouro a 18º edição do Prêmio Multishow.

 

Fonte:Multishow

   

Voltar